Ano um da Cantina Manfrin: consumir bem e com experiência

Os doze primeiros meses da Cantina Manfrin aproximaram o público de um ambiente cheio de simbologia e história, além de um cardápio que lembra as tradições culinárias de família, inclusive com o “Pudim Dona Odila”, que integra a carta de sobremesas, entre outras delícias. (Abaixo a gente te conta quem foi Odila).

Cardápio da Cantina Manfrin
Contexto: "Dona Odila" e "seu Ivo", já falecidos, eram os proprietários da casa onde hoje é a Cantina e eram os pais de Ivo Manfrin, esposo da chef de cozinha Marli. O sonho ganhou força com os filhos de Ivo e Marli, a arquiteta Carolina e o engenheiro civil Felipe Manfrin e apoio de outros familiares e amigos.

Registro da noite de Inauguração, em 07/08/2021: Nadir (irmã de Marli), Marli, Ivo e Carolina

O espaço nasceu em meio às dificuldades da pandemia de Covid-19, mas com a energia que os envolvidos no projeto herdaram do Buffet Manfrin, empreendimento que por anos antecedeu o restaurante e serviu como base para as experiências deste novo desafio.



Quem visita a Cantina Manfrin está disposto a consumir não somente os produtos, seja os pratos diversos da comida italiana ou as bebidas, mas as experiências que o ambiente proporciona em diferentes épocas do ano.


Para muitos, existe uma conexão com suas raízes através do paladar, para outros o espaço encanta pela originalidade e já vale a calmaria do ambiente. E para os autores deste texto, hoje, inclusive, é dia de happy hour na Cantina! Até, e parabéns Manfrin’s!

 
Cantina Manfrin, aberta a partir das 18h30, na Rua Reinaldo Vicente Lírio, 752, Bairro Fátima.


12 visualizações0 comentário